Clipping
16 de Julho. Webinar sobre Edição do Genoma: Aplicações na produção de alimentos e na medicina. Inscrição gratuita

16 de Julho. Webinar sobre Edição do Genoma: Aplicações na produção de alimentos e na medicina. Inscrição gratuita

O CiB – Centro de Informação de Biotecnologia realiza, no dia 16 de Julho, a partir das 18 horas, um debate online sobre a utilização da tecnologia de edição do genoma quer no desenvolvimento de novas terapêuticas moleculares, quer no desenvolvimento de variedades vegetais adaptadas às necessidades actuais de garantir a segurança e qualidade alimentares.

Debate “Utilização da edição genética na medicina e nos alimentos”

Debate “Utilização da edição genética na medicina e nos alimentos”

O Centro de Informação de Biotecnologia (CiB) vai realizar no dia 16 de Julho às 18h00, um debate online sobre a utilização da tecnologia de edição do genoma, quer no desenvolvimento de novas terapêuticas moleculares quer no desenvolvimento de variedades vegetais adaptadas às necessidades actuais de garantir a segurança e qualidade alimentares.

Edição do Genoma: Aplicações na produção de alimentos e na medicina

Edição do Genoma: Aplicações na produção de alimentos e na medicina

O CiB-Centro de Informação de Biotecnologia realiza, no dia 16 de julho, às 18h00, um debate online sobre a utilização da tecnologia de edição do genoma, quer no desenvolvimento de novas terapêuticas moleculares, quer no desenvolvimento de variedades vegetais adaptadas às necessidades atuais de garantir a segurança e qualidade alimentares.

CiB realiza webinar sobre utilização da edição genética na medicina e nos alimentos

CiB realiza webinar sobre utilização da edição genética na medicina e nos alimentos

O CiB-Centro de Informação de Biotecnologia realiza, no próximo dia 16 de julho, pelas 18 horas, um debate online sobre a utilização da tecnologia de edição do genoma quer no desenvolvimento de novas terapêuticas moleculares, quer no desenvolvimento de variedades vegetais adaptadas às necessidades atuais de garantir a segurança e qualidade alimentares.

CiB organiza webinar sobre utilização da edição genética na medicina e nos alimentos

CiB organiza webinar sobre utilização da edição genética na medicina e nos alimentos

O CiB-Centro de Informação de Biotecnologia realiza, no próximo dia 16 de julho, pelas 18 horas, um debate online sobre a utilização da tecnologia de edição do genoma quer no desenvolvimento de novas terapêuticas moleculares, quer no desenvolvimento de variedades vegetais adaptadas às necessidades atuais de garantir a segurança e qualidade alimentares.

Webinar: Edição do genoma – aplicações na produção de alimentos e na medicina

Webinar: Edição do genoma – aplicações na produção de alimentos e na medicina

O CiB-Centro de Informação de Biotecnologia realiza, no dia 16 de Julho, às 18h00, um debate online sobre a utilização da tecnologia de edição do genoma, quer no desenvolvimento de novas terapêuticas moleculares, quer no desenvolvimento de variedades vegetais adaptadas às necessidades actuais de garantir a segurança e qualidade alimentares.

EDIÇÃO DO GENOMA: Aplicações na produção de alimentos e na medicina

EDIÇÃO DO GENOMA: Aplicações na produção de alimentos e na medicina

O CiB-Centro de Informação de Biotecnologia vai realizar, no dia 16 de julho, às 18h00, um debate online sobre a utilização da tecnologia de edição do genoma quer no desenvolvimento de novas terapêuticas moleculares, quer no desenvolvimento de variedades vegetais adaptadas às necessidades atuais de garantir a segurança e qualidade alimentares.

CiB reage às estratégias “Do Prado ao Prato” e “Biodiversidade 2030”

CiB reage às estratégias “Do Prado ao Prato” e “Biodiversidade 2030”

A Comissão Europeia (CE) apresentou recen-temente a “Estratégia Do Prado ao Prato” (Farm to Fork ou F2F) e a “Estratégia para a Biodiversi-dade 2030” (EU Biodiversity Strategy for 2030). Em linhas gerais, na “Estratégia Do Prado ao Pra-to”, a CE pretende tornar mais sustentável toda a cadeia alimentar nos países da União Europeia, através de ações que permitam “reduzir a pegada ambiental e climática do Setor Agroalimentar da SE e reforçar a sua resiliência, protegendo a saúde dos consumidores e garantindo os meios de subsis-tência dos agentes económicos”.

Arquivo

pt Português
en Englishpt Portuguêses Español