CiB apoia “Desenhar o Fascínio das Plantas em Cadernos”Blog

 

Rabiscos
Encontro de Diários Gráficos
– Desenhar o Fascínio das Plantas em Cadernos no ITQB –

18, 19 e 22 de Maio de 2015

O CiB – Centro de Informação de Biotecnologia deu apoio às celebrações do Dia Internacional do Fascínio das Plantas 2015 (18 de Maio). Esta é uma iniciativa lançada pela EPSO – European Plant Science Organization e promovida em Portugal pela Sociedade Portuguesa de Fisiologia Vegetal e pelo ITQB-UNL – Instituto de Tecnologia Química e Biológica. Tem como objectivo despertar o maior número de pessoas em todo o mundo, para o verdadeiro fascínio das Plantas, sensibilizando para a importância do seu estudo para melhorar a agricultura e a produção sustentável de alimentos, a horticultura, a silvicultura e a produção de bens não alimentares (papel, madeira, químicos, fármacos e energia), não esquecendo a importância das plantas para a conservação do meio ambiente.

OPÇÕES À ESCOLHA (18, 19 ou 22 de Maio)

 

18 MAIO

11h – Conversa Fascinante – “O Fascínio das Pastagens: o animal faz a pastagem ou a pastagem faz o animal?” com investigador jubilado David Crespo, Presidente da Fertiprado (ex-consultor da FAO – “Food and Agriculture Organization” das Nações Unidas) – O fascínio das pastagens resulta não só da diversidade da sua composição mas também da sua funcionalidade e da sua capacidade para manter ecossistemas estáveis. Através de alguns exemplos, mostramos como as plantas desempenham um importante papel nas pastagens.

13h – Visita a laboratórios de investigação em biotecnologia plantas e conversa com investigadores

13h40 – Visita a estufas de plantas no topo do edifício do ITQB com vista deslumbrante e conversa com investigadores

14h20 – Visita livre à Casa da Pesca da Estação Agronómica Nacional (fica a 15 min a pé do edifício do ITQB), local com edifícios fantásticos muito degradados com enormes painéis de azulejos. 

 

19 MAIO

11h – Conversa Fascinante “Plantas, Mitos, Fabulações e Realidades” com investigador jubilado Jorge Paiva, Dep. Botânica, Centro de Ecologia Funcional, Universidade de Coimbra – Desde os primórdios dos tempos que o Homem utiliza as plantas em seu proveito e, com essa prática, aprendeu muito com a Natureza. Através de histórias e mitos, desvendamos a realidade de algumas utilizações tradicionais das plantas através dos séculos.

13h – Visita a laboratórios de investigação em biotecnologia de plantas e conversa com investigadores 13h40 – Visita a estufas no topo do edíficio do ITQB com vista deslumbrante e conversa com investigadores

14h20 – Visita livre à Casa da Pesca da Estação Agronómica Nacional (fica a 15 min a pé do edifício do ITQB), local com edifícios fantásticos muito degradados com enormes painéis de azulejos. 

 

22 MAIO

11h30h – Conversa Fascinante – “Folha a folha, se chega à rolha” com investigador jubilado Silas Pêgo (melhorador de milho, ex-consultor da FAO) – Num paralelismo com o popular “grão a grão enche a galinha o papo”, chama-se a atenção para outro paralelismo entre a “folha” vegetal e os “pulmões” dos animais, não só como essenciais à vida, mas também como elementos da linguagem das plantas, ao longo do seu ciclo vital, em que as pequenas coisas nos podem conduzir às maiores elevações do espírito humano a exigir uma celebração poética.

13h30 – Visita a laboratórios de investigação em biotecnologia plantas e conversa com investigadores

14h10 – Visita a estufas no topo do edíficio do ITQB com vista deslumbrante e conversa com investigadores

14h50 – Visita livre à Casa da Pesca da Estação Agronómica Nacional (fica a 15 min a pé do edifício do ITQB), local com edifícios fantásticos muito degradados com enormes painéis de azulejos.

DESAFIOS de DESENHO – Os participantes serão desafiados a cumprirem um exercício (não obrigatório) em cada actividade. Para estes desafios não é preciso saber desenhar, basta gostar de o fazer. Os participantes serão apoiados por: Rita Caré (Bióloga, coordenadora do gabinete de comunicação do CiB, com experiência em desenho e ilustração científica em diários gráficos desde 1999 e Urban Sketcher Portugal) e José Ricardo Salvado – Biólogo, investigador do ITQB-UNL e aluno do programa doutoral “Plants for Life”, com experiência em ilustração científica, desenho criativo e aguarela em diários gráficos desde 2004).

OFERTA – Cada participante irá receber um caderno A6 Emílio Braga  e uma caneta Muji. Estarão disponíveis kits de aguarela de gama infantil para colorir os desenhos.

EXPOSIÇÕES –  Os desenhos produzidos neste encontro serão reunidos numa exposição online e poderão vir a ser reunidos numa exposição física nas instalações do ITQB.

INSCRIÇÕES – As inscrições são OBRIGATÓRIAS e limitadas a 5 participantes por dia. – Cada participante deve enviar a sua inscrição com dados pessoais (nome + e-mail + telemóvel + nº cartão do cidadão ou nº carta de condução) e indicar a ordem de preferência em termos de dias (cada participante só poderá participar num dos dias). – Cada participante deverá usar obrigatoriamente uma placa identificadora (que será fornecida) enquanto permanecer nas instalações do ITQB. – O contacto para inscrição é cib.gabcomunicacao@gmail.com

LOCALIZAÇÃO – COMO CHEGAR?  – ITQB-UNL – Antiga Estação Agronómica Nacional Quinta do Marquês, Oeiras (entrada pelo portão da Avenida da República, Nova Oeiras). –  A 10 minutos a pé da Estação de Comboios de Oeiras (linha Cais do Sodré-Cascais – viagem dura 20-25min) – Viagem de carro pela A5 – Sair na saída “Carcavelos” e seguir para Nova Oeiras. Ao passar a segunda rotunda depois da saída da A5 estará na Av. da Republica. Siga em frente. O portão da EAN é no final dessa avenida no lado esquerdo. – Ver mapas-esquemas aqui: http://www.itqb.unl.pt/contacts/itqb_location#maps – Coordenadas GPS: Latitude: 38° 41′ 38″ (38.694 N) e Longitude: 9° 19′ 7″ (-9.318 W)

APOIOS 

MAIS INFORMAÇÕES

pt Português
en Englishpt Portuguêses Español