OGM | Prémio Nobel quer que os mitos em torno das culturas GM sejam dissipadosBlog

O bioquímico vencedor do Prémio Nobel da Fisiologia e Medicina em 1993, Richard J. Roberts, disse que “a desinformação sobre a ciência, especialmente sobre as culturas geneticamente modificadas, deve ser dissipada e a tecnologia deve ser adotada porque é apoiada pela ciência”.

Richard J. Roberts, conhecido pelas suas críticas aos movimentos antitransgénicos, fez estas observações durante uma palestra sobre no Centro Nacional de Ciências Celulares na Universidade Savitribai Phule Pune, na Índia.

No seu discurso, o Nobel elogiou a Índia por dar luz verde à mostarda geneticamente modificada denominada DMH (Dhara Mustard Híbrido) e reconheceu que espera que muitas mais culturas sigam o mesmo caminho.  Também repreendeu os países desenvolvidos por se pronunciarem contra as culturas geneticamente modificadas por razões políticas ou económicas e por dizerem aos países em desenvolvimento que é perigoso utilizá-las, especialmente quando muitos destes países tentam acabar com a fome e alcançar a segurança alimentar, algo que as nações desenvolvidas já conseguiram.

“Há muita desinformação sobre a ciência nos meios de comunicação social. As pessoas assustam-se com o que lêem e as campanhas contra os organismos geneticamente modificados (OGM) são um bom exemplo disso. Muitos ativistas espalham mentiras sobre os OGM. Os OGM são seguros. Há 30 anos que os cultivamos e que as pessoas os comem e não tem havido um único problema”, disse Richard J. Roberts.

Leia mais em The Times of India.

pt Português
en Englishpt Portuguêses Español