Convite | “Um dia com”… Jorge CanhotoBlog

O ciclo de conversas ‘Um dia com’… está de volta. No dia 28 de abril (11h30), o convidado é o Presidente do CiB, Jorge Canhoto, que na qualidade de Professor da Universidade de Coimbra e de investigador do Centro de Ecologia Funciona da UC vai falar sobre “Clonagem, melhoramento e certificação de espécies fruteiras”.

Organizada pelo Cebal – Centro de Biotecnologia Agrícola e Agro-Alimentar do Alentejo, dia 28 de abril, a iniciativa ‘Um dia com…’ regressou uma vez mais em formato webinar. Dia 28 de abril é dia de mais uma sessão, desta vez com uma palestra dedicada ao tema “Clonagem, melhoramento e certificação de espécies fruteiras”, apresentada pelo Professor da Universidade de Coimbra e Investigador do Centro de Ecologia, Jorge Canhoto, que em finais de março de 2021 assumiu a Presidência da Direção do CiB.

A sessão começa às 11h30. Para assistir, clique aqui.
Resumo da palestra:

As técnicas utilizadas em biotecnologia de plantas são, cada vez mais, uma ferramenta imprescindível para o melhoramento de espécies fruteiras. Elas permitem não apenas uma multiplicação em larga escala, mas também a clonagem de híbridos estéreis ou a conservação de genótipos de interesse para utilização em programas de melhoramento. Para além disso, técnicas convencionais de propagação, como a enxertia, podem ser realizadas in vitro (microenxertia), com o aumento da qualidade fitossanitária dos materiais propagados.

Ao contrário do que sucede noutros países, o potencial da biotecnologia de plantas tem tido uma utilização muito limitada no nosso país, o que faz de Portugal um importador de materiais de propagação com o consequente abandono das nossas variedades.

Acresce a esta situação a quase inexistência de variedades autóctones certificadas, uma situação que prejudica não apenas os nossos agricultores e a economia nacional, mas que pode também levar à
apropriação destes materiais por terceiros. Estes assuntos serão discutidos neste seminário.

Nota Biográfica de Jorge Canhoto:

Jorge M. Canhoto é licenciado em Biologia pela Universidade de Coimbra e doutorado em Biologia (Fisiologia) pela mesma universidade. É Professor Associado com agregação do Departamento de Ciências da Vida da Universidade de Coimbra e investigador integrado do Centro de Ecologia Funcional da Universidade de Coimbra (Laboratório Associado Terra) onde é responsável pelo Laboratório de Biotecnologia de Plantas. Atualmente, Jorge é coordenador do Mestrado em Biodiversidade e Biotecnologia Vegetal e docente nas áreas de Biotecnologia, Fisiologia e Desenvolvimento das Plantas. Para além disso, é coordenador da Divisão de
Recursos Genéticos e Biotecnologia da International Society for Horticultural Science, Presidente da Direção do Centro de Informação de Biotecnologia e editor de várias revistas científicas como a Forests e a Frontiers in Plant Science.
As suas principais áreas de investigação são a clonagem in vitro e o melhoramento de plantas, com particular destaque para espécies arbóreas.
Tem também um contributo importante na área da Comunicação de Ciência, sendo autor do
livro “Biotecnologia Vegetal – da Clonagem de Plantas à Transformação Genética”, em que
pretende explicar o que é e como é feita a clonagem de plantas e desmistificar os medos em
relação à utilização de plantas geneticamente modificadas, rebatendo os argumentos
apresentados pelos opositores da tecnologia, nomeadamente os eventuais impactos na saúde,
no ambiente e socioeconómicos.

pt Português
en Englishpt Portuguêses Español