Sustentabilidade | Seis maneiras de alimentar o mundoBlog

Créditos da fotografia: Shutterstock

Cerca de 870 milhões de pessoas vivem com fome. E aquelas a quem não falta comida, no futuro não terão a mesma facilidade em encontrar alimentos nos locais de comércio, porque alimentar a crescente população mundial não vai ser uma tarefa fácil. Estima-se que daqui a 80 anos seremos onze mil milhões de pessoas, mais três mil milhões do que agora. Como alimentar tanta gente, de um modo sustentável, se não há mais terra para cultivar?

Muitos especialistas acreditam que podemos produzir alimentos suficientes para a quantidade de população prevista em 2100 – onze mil milhões de pessoas -, mas saber se seremos capazes de o fazer de uma forma sustentável ou se poderemos pagar esses alimentos são questões diferentes. A solução não está numa estratégia única, está em várias e cada uma das quais tem de ter em vista reduzir a lacuna existente entre a quantidade de comida que temos e a que verdadeiramente precisamos.  

Aqui estão seis estratégias possíveis para ajudar a alimentar o mundo quando formos onze mil milhões: 

  • Comer menos carne;
  • Comer “carne” produzida em laboratório;
  • Reduzir o desperdício de alimentos;
  • Investir na aquaponia (produção de vegetais sem terra, usando tanques de peixes. Os peixes, através dos seus detritos, alimentam as plantas e as plantas limpam a água dos peixes);
  • Quintas verticais;
  • Usar as novas tecnologias de melhoramento vegetal.

Mais informação sobre cada uma destas sugestões (e como podem ser exequíveis) AQUI, num artigo publicado na Live Science.

Siga o CiB no Twitter @cibpt e no Facebook @cib.portugal

 

pt Português
en Englishpt Portuguêses Español